Toc toc toc

Quando…

danço sozinha da maneira mais “no one’s watching” possível,

volto a não conversar com as pessoas quando acordo,

canto na rua, esquecendo que só eu tô ouvindo o mp4,

fico egoísta em projetos pessoais

sinto o conforto de estar sozinha para flertar à vontade

volto a ser debochada na medida (respeito e bom senso é bom e mamãe ensinou)

rio sozinha de mim mesma e das lembranças de piadas internas das mais toscas,

… é sinal de que começo a recuperar o caminho de casa. Não me sentia tão bem desde… hummm… já nem lembro mais.

Bem-vinda, MR.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s